Começado

amor amordaçado
fé febril
destino desativado
embriões embriagados
prefixos inexistentes em riste num fino final
ler ao contrário, desejo desfavorável
minha mente mente mediante medidas, medo
Um coma comedido de comédia
corpo corporativo
Alegrias e aleluias
Améns amenizam frutíferas frustrações
Carrego caroços carnívoros
Cordialmente, cor de cortina
imagino imaculados imãs
miséria mista
jogos, jogos, perde-se perpetuamente
castigo casto
Abrangente, abre o abrigo
suor, suor, suíno
divino dividendo
calabouço calado
prefixos inexistentes em riste num fino final
ler ao contrário, desejo desgastante
pérolas, perfeitas perdições
sonho sonâmbulo, soneto sonegado
martírio marginal, marchas, marcas, margarina, margaridas
cedemos cedo
sedativos sedosos, brilhantes brindes
calma, calma, calvície? calmantes!
operários operados
circo, cirrose, ciranda, circuito
objeto, obséquio observado
gás, gastrite, gastado, gastronomia
tensas tentações
sêmen semeado sem semblante
porra, por que?
mercadoria merda, merecemos
prefixos inexistentes em riste num fino final
ler ao contrário, desperdício desimpedido
precariedades prestativas
amolecer amianto, adoecer adoções
alternar altruísmo
calar calvário
colorir colírios
escrever este estrofe
como combinado